Enrico Letta pode ser novo premiê da Itália

O presidente da Itália, Giorgio Napolitano, convocou nesta quarta-feira Enrico Letta, subsecretário do Partido Democrata, para uma reunião no palácio presidencial, o primeiro passo para que Letta seja nomeado primeiro-ministro.

Agência Estado

24 de abril de 2013 | 07h37

Napolitano, que foi reeleito no sábado, disse nesta semana que vai agir rápido para nomear alguém que possa conduzir um governo bipartidário, na expectativa de encerrar o impasse político que já dura dois meses e colocar o país no curso das reformas que precisam ser realizadas, dentre elas a da lei eleitoral.

Se Napolitano pedir a Letta que forme um novo governo, ele vai nomear seu gabinete de ministros e o novo governo deve então conquistar um voto de confiança no Parlamento, antes de iniciar seu mandato. Se o novo governo for confirmado pelo Parlamento, Letta, de 46 anos, se tornará o premiê mais novo da história da Itália. As informações são da Dow Jones. (Priscila Arone - priscila.arone@estadao.com)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.