Equador espera o papa para canonização de ´freira milagreira´

O presidente equatoriano, Rafael Correa, convidou o Papa Bento XVI para assistir à canonização da beata Narcisa de Jesus. Um convite foi enviado no dia 5 de fevereiro para que o papa defina a data, conforme informou a secretária de Comunicação da Presidência, Mónica Chuji.Apesar de ainda aguardar resposta do Vaticano, o governo equatoriano já anunciou que a cerimônia será celebrada na localidade de Nobol, na província de Guaias.Narcisa de Jesus nasceu no fim de 1832, em Nobol, e se entregou à vida religiosa depois da morte de seus pais. Santa Narcisa de Jesus, como é conhecida no Equador, foi em 1868 para Lima, onde continuou sua vida religiosa, na Casa das Irmãs da Ordem de Santo Domingo, até sua morte, em 8 de dezembro de 1869.O corpo da beata foi levado à cidade equatoriana de Guayaquil em 1955 e agora está em sua terra natal. O papa João Paulo II beatificou a freira em 25 de outubro de 1992, após reconhecer uma série de milagres atribuídos a ela no Equador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.