Equador lançará plano de paz em resposta à Colômbia

O presidente do Equador, Rafael Correa, assegurou neste sábado que apresentará o "Plano Equador" no dia 24 de abril como resposta de paz e igualdade ao "plano militarista e violento da Colômbia". "O que o mundo esperava era uma reação violenta do Equador, como fechar a fronteira e pedir visto aos colombianos", disse Correa em seu programa sabatino de rádio.O presidente disse que o "Plano Equador" buscará regularizar os colombianos e tentará, com ajuda internacional e fundos próprios, acabar com os problemas na fronteira com a Colômbia."Este plano de justiça será lançado ao mundo no dia 24 de abril. Estamos nos preparando e contamos com personalidade mundiais", afirmou Correa."Nosso país quer a paz,a igualdade e a justiça e estamos contra este ´plano Colômbia´ e seu militarismo", acrescentou o presidente do Equador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.