Reuters
Reuters

Equador pede que EUA enviem por escrito posição sobre Snowden

Governo equatoriano avalia pedido de asilo político do ex-técnico da CIA que vazou segredos de espionagem

O Estado de S. Paulo,

26 Junho 2013 | 15h24

WASHINGTON - O Equador pediu nesta quarta-feira, 26, que os Estados Unidos apresentem por escrito sua posição sobre a situação do ex-técnico da CIA Edward Snowden, cuja petição de asilo está sendo considerada pelo governo.

Em um comunicado da embaixada equatoriana em Washington, o governo disse que iria analisar o pedido "com responsabilidade". "A base legal para cada caso deve ser rigorosamente estabelecida, de acordo com nossa Constituição nacional e com os cenários legais nacional e internacional. Este processo legal leva em consideração obrigações de direitos humanos", disse o comunicado.

"A situação atual não está sendo provocada pelo Equador", afirmou a embaixada.

Snowden, 30, ex-prestador de serviço da Booz Allen Hamilton, parece estar ainda no aeroporto de Moscou, esperando uma decisão sobre seu pedido de asilo ao Equador.

Ele voou de Hong Kong para a capital russa no domingo. Os EUA disseram que Snowden seria extraditado para enfrentar acusações de roubo e vazamento de detalhes de programas de vigilância secretos do governo americano./ REUTERS

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.