Thanassis Stavrakis/AP
Thanassis Stavrakis/AP

Erdogan se reúne com representantes de manifestantes

Primeiro-ministro turco tenta encerrar duas semanas de protestos contra seu governo

13 Junho 2013 | 18h34

ISTAMBUL - O primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, se reúne nesta quinta-feira, 13, com representantes dos manifestantes contrários à revitalização da Praça Taksim, em Istambul, na tentativa de acabar com duas semanas de protestos contra o governo.

No começo do dia, o premiê deu seu último aviso àqueles que ocupam o Parque Gezi para deixarem o local e reagiu às críticas do Parlamento Europeu sobre a ferocidade da repressão policial contra os manifestantes. "Nossa paciência chegou ao fim. Estou dando o meu aviso pela última vez. Digo às mães e aos pais para, por favor, pegarem seus filhos pela mão e levarem para fora. O Parque Gezi não pertence às forças de ocupação, mas ao povo."

A repressão policial desencadeou uma onda sem precedentes de protestos contra Erdogan e seu Partido, AK, de raízes islâmicas, atraindo uma ampla aliança de secularistas, nacionalistas, trabalhadores, sindicalistas e estudantes.

Erdogan já discutiu os planos de uma construção no parque com várias pessoas que apoiam os manifestantes, mas até quinta-feira havia se recusado a se reunir com o grupo Solidariedade Taksim, no centro da campanha para proteger o parque. Músicos e atores também vão participar do encontro, segundo informações da mídia./ REUTERS

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.