Escola nos EUA proíbe alunos de se abraçarem

O diretor da escola Matawan-Aberdeen, na cidade americana de New Jersey, decidiu proibir que os alunos se abracem nas dependências da instituição. Segundo o diretor, Tyler Blackmore, a medida evitará "ocorrência de interação física indesejável".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.