Espanha anuncia envio de tropas ao Haiti

O governo espanhol anunciou o envio de 200 fuzileiros navais para se unirem à força de manutenção de paz no Haiti, como parte de uma missão das Nações Unidas liderada pelo Brasil. "Um contingente (espanhol) de 200 membros se somará a 150 membros do Marrocos e esperamos que cheguem ao Haiti na segunda metade de outubro", afirmou a vice-primeira-ministra espanhola, Maria Teresa Fernández de la Veiga, depois de uma reunião de gabinete. Ela não forneceu maiores detalhes sobre a contribuição marroquino-espanhola à missão da ONU. O Brasil recebeu dos Estados Unidos a liderança da missão em junho. A ONU enviou tropas de paz ao Haiti depois de um levante popular que forçou o presidente Jean-Bertrand Aristide a renunciar e a abandonar o país, em fevereiro. O novo governo socialista espanhol vem sendo pressionado pela comunidade internacional a ampliar sua participação em missões de paz, após a retirada de suas tropas do Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.