Espanha confirma mais 7 casos de vaca louca

Autoridades espanholas identificaram nesta quarta-feira 7 novos casos de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), ou doença da "vaca louca". Com isso, o total de animais contaminados na Espanha sobe para 24. O centro nacional de análise da doença confirmou os resultados dos testes realizados em 4 vacas da noroeste da Galícia, uma da região de Castilla-Leon, no centro-norte do país, uma nas Astúrias, ao norte e outro na ilha mediterrânea de Minorca. A porta-voz do governo, Ana Maria Pastor, disse que as estatísticas mostram que uma entre cada mil vacas estão testando positivas para a doença no país e completou que 25.085 testes foram realizados desde novembro. De acordo com a nota da agência Dow Jones, até o momento não foram registrados casos de Creutzfeldt-Jakob no país. A doença ataca o cérebro humano e, segundo cientistas, seria contraída através do consumo de carne bovina contaminada por "vaca louca". Nos últimos anos, a doença matou mais de 80 pessoas, sendo a maior parte no Reino Unido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.