Espanha detém jornalista da Al-Jazira

A polícia espanhola deteve um dos mais destacados jornalistas da rede de tevê árabe Al-Jazira por supostas ligações com integrantes da Al-Qaeda detidos no começo do ano na Espanha, informou o Ministério do Interior. Tayssir Alouni, nascido na Síria mas com cidadania espanhola, foi detido por volta do meio-dia na cidade sulista de Granada por ordem do juiz de instrução Baltasar Garzon.Alouni estava na Espanha com sua mulher, trabalhando na criação de um escritório da Al-Jazira no país. O juiz Garzon havia ordenado, no começo deste ano, a detenção de 16 supostos integrantes da rede terrorista Al-Qaeda, de Osama bin Laden, em Barcelona. Eles foram posteriormente liberados.Alouni foi acusado de usar sua profissão para entrar em contato com integrantes da Al-Qaeda. Segundo o site da Al-Jazira, ele se destacou na cobertura das guerras do Afeganistão e do Iraque. Alouni trabalhou durante a década de 90 como tradutor para a agência oficial de notícias espanhola EFE.Fontes da inteligência espanhola informaram à Al-Jazira que ele foi detido sob leis antiterroristas e pode ser interrogado por três dias, sem acesso a advogados ou familiares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.