Espanha é o país que mais recebeu imigrantes

A Espanha foi o país da União Européia (UE) que mais recebeu imigrantes em 2006, segundo um estudo divulgado ontem pelo escritório de estatística do bloco, o Eurostat. Das 3 milhões de pessoas que imigraram para a UE há dois anos, quase um terço - ou 803 mil - foram para cidades espanholas. A Alemanha aparece em segundo lugar, com 558 mil imigrantes, e a Grã-Bretanha em terceiro, com 451 mil. Somados, os três países abrigaram 60% dos imigrantes. Do total de estrangeiros que entrou no bloco, 40% vieram de países da UE. Entre os que vieram de outras regiões, o maior fluxo de imigração foi de poloneses (10%), seguido pelos romenos (8%) e marroquinos (5%).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.