Espanha prende argelino ligado ao terrorista Bin Laden

A polícia espanhola deteve hoje em Alicante (leste da Espanha) o argelino Mohamed Bensakhria, um dos terroristas mais procurados na Europa e EUA por sua ligação com o saudita Osama Bin Laden, suposto mentor dos atentados contra as embaixadas norte-americanas do Quênia e Tanzânia.Segundo o ministro do Interior, Mariano Rajoy, a Interpol e os serviços secretos norte-americanos procuravam Bensakhria havia vários meses. Ele preparava um atentado contra a Catedral de Estrasburgo, França, disse Rajoy. O juiz Baltasar Garzón coordenou a prisão. Bensakhria, segundo o Ministério do Interior, liderava um comando desarticulado no ano passado na Alemanha.Em Nova Délhi, a polícia indiana informou a prisão de um quarto suspeito de planejar atentados a bomba contra as embaixadas dos EUA na Índia e em Bangladesh. Mohammed Arshad foi detido em Patna, capital do Estado de Bihar, e também estaria ligado a Bin Laden.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.