Espanha reduz estimativa para o PIB em 2013

O governo da Espanha afirmou esperar que a economia do país, que é a quarta maior da zona do euro, continue em recessão no próximo ano, enquanto o governo implementar medidas de austeridade. Em uma entrevista à imprensa, o ministro do Orçamento, Cristóbal Montoro, disse que o Produto Interno Bruto (PIB) deverá ter contração de cerca de 0,5% em 2013, em vez da expansão de 0,2% prevista anteriormente.

AE, Agência Estado

20 de julho de 2012 | 09h58

A Espanha também reduziu a estimativa para o crescimento em 2014, de 1,4% para 1,2%. A projeção para este ano, porém, foi elevada de 1,5% para 1,7%. O governo também afirmou que o PIB crescerá 1,9% em 2015, mais do que a previsão anterior de 1,8%. As informações são da Dow Jones

Tudo o que sabemos sobre:
Espanhacrise

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.