Espanha: Sobe a 80 cifra de mortos em descarrilamento

O Ministério de Interior da Espanha elevou a 80 o número de mortos no descarrilamento de um trem ocorrido ontem em Santiago de Compostela, no noroeste do país.

AE, Agência Estado

25 de julho de 2013 | 12h21

Enquanto isso, 95 pessoas feridas na tragédia continuavam internadas nesta quarta-feira. Trinta e seis dos 95 feridos encontram-se em condições críticas de saúde, inclusive quatro crianças.

O primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, visitou hoje o local do acidente e depois foi a um hospital da cidade, onde conversou com vítimas e familiares.

Natural de Santiago de Compostela, Rajoy decretou três dias de luto pelos mortos. "Para alguém natural de Santiago, como eu, este é o mais triste dos dias", disse ele.

Tudo o que sabemos sobre:
EspanhadescarrilamentocifraRajoy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.