Espanha vai debater proibição do uso das burcas

Os legisladores espanhóis vão debater a proibição do uso da burca, somando-se a outros países europeus que estão considerando medidas semelhantes, com base na percepção de que este tipo de veste é degradante para as mulheres, disseram lideranças da oposição, hoje. Os véus que cobrem a cabeça não serão acrescentados na proibição, uma vez que as chamadas mantilhas também fazem parte da vestimenta tradicional espanhola.

AE-AP, Agência Estado

18 de julho de 2010 | 12h50

Representantes do Partido Socialista indicaram que vão apoiar a proposta feita pelo Partido Popular, que é da oposição, a menos que a mais alta Corte do País, coloque o banimento como inconstitucional.

O debate deve ocorrer na Câmara nos dias 20 ou 21. Não há agendamento para os votos até que o debate ocorra, e o Parlamento tradicionalmente entra em recesso no final de julho ou início de agosto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.