Espanha vai receber mais 4 ex-presos políticos cubanos nesta semana

CUBA

, O Estado de S.Paulo

23 de setembro de 2010 | 00h00

Quatro ex-presos políticos cubanos devem desembarcar nesta semana na Espanha, segundo o ministério de Assuntos Exteriores de Madri. "A data exata depende da disponibilidade de vagas nos aviões", disse uma fonte ministerial, confirmando que o país receberá Nelson Molinet Espino, Héctor Raúl Valle Hernández, Miguel Galván Gutiérrez e José Miguel Martínez Hernández, acompanhados de 33 parentes. A libertação do grupo foi anunciada na sexta-feira pela Igreja Católica de Cuba. Os quatro dissidentes se unirão a alguns dos 32 presos políticos libertados nos últimos três meses que já estão na Espanha. Cuba fechou em 7 de julho um acordo com a Igreja Católica e o governo espanhol para libertar gradualmente 52 presos políticos.

Os dissidentes são remanescentes dos 75 opositores condenados a penas de 6 anos a 28 anos de prisão em 2003. A Espanha espera que todos os dissidentes estejam soltos até 25 de outubro, data da reunião de chanceleres da União Europeia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.