Espanhóis manifestam contra privatização da saúde

Grandes manifestações estão ocorrendo em mais de uma dezena de cidades da Espanha neste domingo em protesto contra os planos do governo de parcialmente privatizar o sistema público de saúde. Alguns manifestantes questionam os motivos do governo para fazer isso.

AE, Agência Estado

17 de fevereiro de 2013 | 13h41

Em Madri e Barcelona milhares de pessoas participaram da terceira "onda branca" deste ano, nome dado aos protestos em razão da vestimenta médica usada por muitos dos manifestantes.

A saúde e a educação são administradas pelos governos das 17 regiões autônomas da Espanha e algumas endividadas, como Madri, anunciaram a privatização parcial dos serviços. Alguns usuários suspeitam que o movimento deve-se a razões políticas e não tem como objetivo a redução de custos. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
protestosEspanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.