Espanhola contaminada pelo ebola recebe alta médica

A auxiliar de enfermagem espanhola que se recuperou do ebola receberá alta do hospital após um mês de ter sido internada em um ala de isolamento para receber tratamento. O diretor do hospital Carlos III, Rafael Perez-Santamarina disse que a paciente Teresa Romero será liberada ainda nesta quarta-feira e fará uma declaração para a imprensa.

Estadão Conteúdo

05 Novembro 2014 | 09h53

Teresa foi a primeira pessoa a ter contraído o vírus fora do oeste da África na atual epidemia de ebola. Os médicos afirmam que a paciente de 44 anos recebeu diversos tratamentos, incluindo a transfusão de plasma sanguíneo de um sobrevivente da doença, mas não informaram se essa ação garantiu a melhora de Teresa.

Romero foi contaminada ao tratar de um missionário espanhol que morreu de ebola em setembro, após ter sido contaminado no oeste da África. Médicos afirmam que ela poderá ter uma vida normal e não oferece risco de contaminação a outras pessoas. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.