Reprodução
Reprodução

Estado Islâmico divulga vídeo de execução de oito xiitas na Síria

Integrante do grupo terrorista chama os prisioneiros de 'infieis impuros'

AP e Estadão Conteúdo

29 Março 2015 | 14h21

O grupo extremista Estado Islâmico divulgou um vídeo em que mostra a execução de oito homens, que seriam muçulmanos xiitas. O vídeo foi publicado em redes sociais neste domingo e diz que os homens foram decapitados na província síria de Hama.

Os homens aparecem vestindo uniformes laranja e têm as mãos amarradas. Eles são conduzidos por adolescentes, que os entregam a integrantes do Estado Islâmico. Os adolescentes então entregam facas aos soldados, que decapitam os reféns.

Apenas um homem do Estado Islâmico fala no vídeo e chama os xiitas de "infieis impuros".

Desde seu surgimento, o Estado Islâmico já assumiu a responsabilidade de diversos atentados terroristas e divulgou vídeos mostrando a execução de seus prisioneiros - as atrocidades vão desde a decapitação ao ateio de fogo em homens vivos.

Mais conteúdo sobre:
Síria Estado Islâmico

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.