Estados Unidos apresentam novo caça militar

A Corporação Lockheed Martin revelou nesta sexta-feira seu novo jato militar de guerra, um avião que a companhia especula ser o mais poderoso jato de motor singular jamais construído.O jato - denominado Lightening II - foi feito para substituir o F-16 e outros jatos de guerra usados atualmente pelas Forças Aéreas americana e britânica. Os testes de vôo estão marcados para outubro. O jato será desenvolvido para o uso da marinha e da aeronáutica americana em 2013 e para as forças britânicas em 2014. A Lockheed Martin, que venceu um contrato de US$ 19 bilhões com o Pentágono em 2001, afirma que, segundo estimavas, seus jatos custarão entre US$ 45 milhões e US$ 60 milhões a unidade.A companhia espera vender mais de 2.500 jatos para militares britânicos e norte-americanos e outras centenas para os países aliados que auxiliaram no projeto (Itália, Holanda, Turquia, Canadá, Austrália, Dinamarca e Noruega). Partes da fuselagem estão sendo feitas em Fort Worth, no Texas; Palmdale, na Califórnia; e na Inglaterra, com montagem final em Fort Worth. O primeiro jato ficou pronto em fevereiro e está passando por testes no hangar antes de iniciar os testes de vôo, em outubro. Após a decolagem e o pouso rotineiro que se realizarão nos próximos meses, o jato tentará fazer uma pequena decolagem e um pouso vertical no início de 2008. Uma versão transportadora é esperada para ficar pronta para testes em 2009.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.