Lucas Jackson/REUTERS
Lucas Jackson/REUTERS

Estados Unidos registram mais de 75 mil casos do novo coronavírus e quebram recorde diário

Segundo o New York Times, é a 11ª vez que o recorde é quebrado nos últimos 30 dias

Redação, O Estado de S.Paulo

17 de julho de 2020 | 00h54

Os Estados Unidos quebraram o recorde diário de casos do novo coronavírus nesta quinta-feira, 16, quando registraram mais de 75 mil infecções em 24 horas. Segundo o New York Times, esse número ainda não é final e deve crescer nas próximas horas. A agência Reuters diz que o número é maior que 77 mil novos casos. 

Esta foi a 11ª vez que o recorde diário foi quebrado nos últimos 30 dias. O número mais que dobrou desde 24 de junho, quando o país registrou 37.014 casos. O recorde mais recente (68.241) era o da última sexta-feira, 10.

Quase mil mortes foram registradas de quarta para quinta-feira, maior número desde o dia 10 de junho. Flórida, Carolina do Sul e Texas registraram nesta quinta, 16, o maior aumento desde o início da pandemia. Mais de 138 mil americanos morreram em decorrência do novo coronavírus. 

As áreas mais afetadas do Texas e Arizona enfrentam escassez de espaço nos necrotérios. Coolers e trailers refrigerados começaram a ser utilizados para guardar os corpos das vítimas. 

Os óbitos nos EUA atingiram o pico em abril, quando o país registrou cerca de 2 mil mortes por dia. Em maio, esse número caiu para 1,3 mil e, em junho, para cerca de 800 mortes diárias antes de começar a subir novamente em julho. /NYT e REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.