Estrangeiros são presos por ligação com terror

IÊMEN

, O Estado de S.Paulo

08 de junho de 2010 | 00h00

Autoridades do Iêmen detiveram cerca de 50 estrangeiros acusados de ligação com a Al-Qaeda. Entre os detidos estão americanos, britânicos, franceses e malaios. O país intensificou a supervisão das escolas de língua árabe desde a tentativa de atentado em um avião que seguia para os EUA no Natal. O nigeriano acusado pelo crime estudou árabe no Iêmen.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.