Estrangeiros são retirados da Costa do Marfim

Mais de 2.400 estrangeiros, em sua maioria franceses, foram retirados da Costa do Marfim por causa do recrudescimento da guerra civil no país africano, anunciaram fontes da Força Aérea francesa neste sábado.Segundo as informações, 4.131 franceses estão na lista de pessoas que ainda aguardam serem retiradas. O restante pertence a 63 países diferentes. Cerca de 800 esperavam partir de Abidjã rumo a Paris ainda neste sábado.

Agencia Estado,

13 de novembro de 2004 | 17h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.