Estudante australiano planejava massacre na escola

Um adolescente australiano planejava assassinar a tiros vários de seus companheiros de escola e professores e depois suicidar-se, revelou seu diário, encontrado na semana passada, um dia antes do planejado ataque.De acordo com o ministro de Educação de Nova Gales do Sul, John Aquilina, o diário continha gráficos descrevendo o massacre. "Segundo as palavras do estudante, ele pretendia realizar uma ´réplica´ do massacre de Colorado", disse Aquilina. Em 1999, dois estudantes mataram 13 pessoas e se suicidaram na escola Columbine, nos EUA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.