Estudantes seqüestram avião no Sudão

Nove estudantes da Universidade de Adis-Abeba, capital da Etiópia, seqüestraram um avião etíope com 50 passageiros a bordo no aeroporto de Cartum (Sudão), informou a televisão sudanesa. De acordo com a rede, os universitários exigiram um encontro com diplomatas norte-americanos e britânicos.O governo sudanês afirmou ter formado um comitê com o objetivo de negociar com os seqüestradores "com o fim de proteger os passageiros de qualquer perigo". O vôo saiu de Adis-Abeba e aterrissou no aeroporto de Cartum, às 18h20 (horário local). Não ficou claro qual era o destino original do vôo, nem o nome da companhia aérea.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.