EFE/ Jim Hollander
EFE/ Jim Hollander

EUA abrirão sua embaixada em Jerusalém em maio

Segundo vários meios de comunicação citando fontes israelenses, a data escolhida será 14 de maio, data do 70º aniversário da criação do país

O Estado de S.Paulo

23 Fevereiro 2018 | 15h03

WASHINGTON - A embaixada dos Estados Unidos em Israel será transferida de Tel-Aviv para Jerusalém em maio, indicou nesta sexta-feira,23, uma autoridades americana à AFP. A transferência, que provocou protestos no mundo árabe e na Europa,  foi anunciada em dezembro.

+Conheça o posicionamento da comunidade internacional sobre Jerusalém

Segundo vários meios de comunicação citando fontes israelenses, a data escolhida será 14 de maio, data do 70º aniversário da criação do Estado hebreu.

Em uma reação imediata à notícias, a Autoridade Palestina chamou de "provocação" a decisão americana, estimando que o governo Trump se tornou um obstáculo para a paz.

+ Guga Chacra: Há solução para o status final de Jerusalém?

É "uma provocação para os árabe, muçulmanos e cristãos. Com tal decisão, a administração Trump acaba de se isolar completamente e se torna uma parte do problema e não mais da solução", declarou à AFP o número dois da Organização de Libertação da Palestina (OLP), Saëb Erakat./ AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.