EUA ainda não acharam as armas que motivaram a guerra

As forças norte-americanas não encontraram armas de destruição em massa desde o início da ofensiva no Iraque, admitiu hoje o chefe do Estado-Maior Conjunto dos EUA, Richard Myers."Achamos que a maior parte de suas armas químicas e biológicas foram armazenadas, dispersadas e escondidas no centro do Iraque", disse. "Elas serão encontradas quando nos aproximarmos da região e encontrarmos pessoas dispostas a nos levar até essas armas e aos documentos que procuramos".Myers disse que as forças norte-americanas encontraram no oeste do Iraque "um enorme esconderijo de armas, com milhões de munições e documentos que serão utilizados". Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.