EUA alertam norte-americanos para segurança no Líbano

O Departamento do Estado dos EUA alertou os norte-americanos que se encontram no Líbano para que evitem aproximar-se de campo de refugiados palestinos e para que variem rotas e horários de trânsito pelo país. O aviso surge no momento em que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva está em visita àquele país. Ele chegou ao Líbano na tarde de ontem e deve ficar lá até sábado.O alerta, que foi distribuído por meio do site da embaixada norte-americana no Líbano, não cita ameaça específica, diz apenas aos cidadãos norte-americanos que aumentem a vigilância no subúrbio da capital Beirute, na região do Vale do Bekka e no sudeste do país, incluindo as cidades de Sidon e Trípoli.

Agencia Estado,

05 de dezembro de 2003 | 11h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.