EUA anuncia reabertura de embaixada no Iêmen

O Departamento de Estado norte-americano afirmou que a embaixada dos Estados Unidos no Iêmen - um dos 19 postos diplomáticos fechados no início deste mês por causa de uma ameaça terrorista - pode ser reaberta para prestar serviços limitados.

AE, Agência Estado

20 de agosto de 2013 | 21h17

A maioria dos funcionários da embaixada norte-americana no Iêmen foi ordenada a deixar o país por causa da ameaça, que era proveniente da Al-Qaeda na Península Arábica.

No dia 11 de agosto, os Estados Unidos anunciaram a reabertura de 18 dos 19 postos diplomáticos que estavam fechados por aproximadamente duas semanas no Oriente Médio e na África. A embaixada do país no Iêmen, porém, permaneceu fechada. O anúncio de reabertura coincide com o anúncio de a Grã-Bretanha e a Alemanha vão reabrir seus postos diplomáticos na capital iemenita Sanaa. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
euaembaixadaiêmen

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.