EUA anunciam morte de 30 supostos insurgentes no Iraque

Desde terça-feira, Exército realiza uma grande ofensiva na província de Diyala

Agencia Estado

21 Junho 2007 | 13h07

O Exército dos Estados Unidos anunciou nesta quarta-feira, 20, a morte de 30 supostos insurgentes ligados à rede terrorista Al-Qaeda na grande ofensiva de terça-feira de tropas iraquianas e americanas na província de Diyala, a nordeste de Bagdá."A Força de Intervenção Rápida continua hoje (quarta-feira), pelo segundo dia, a grande ofensiva militar em Baquba e seus arredores contra os rebeldes. No primeiro dia de operações, 30 inimigos foram mortos", informou o comando militar dos EUA em comunicado.As forças americanas tinham informado na terça-feira a morte de 22 supostos insurgentes. Segundo a nota, as forças em Diyala apreenderam 14 foguetes na operação, que foi descrita como a maior na província desde que os sunitas começaram suas ações de insurgência, em 2003.Cerca de 10 mil soldados americanos e iraquianos participam dos combates.Ainda não se sabe quanto terminará a ofensiva em grande escala. Mas Mike Bendrick, chefe de operações do Exército americano na província, disse no comunicado que "os insurgentes devem aprender que não há lugar para eles em Diyala".A província é de população mista (sunita, xiita e curda), na fronteira com o Irã, e se tornou um dos principais refúgios para os insurgentes.

Mais conteúdo sobre:
IraqueEUAAl-Qaeda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.