EUA atacam vilarejo e tanques do Taleban

Caças americanos voltaram a bombardear a linha de frente do Taleban, na parte norte de Cabul, capital do Afeganistão. Membros da Aliança do Norte, que se opõe ao regime do Taleban no país, esperam que os bombardeios enfraqueçam as defesas do inimigo e acelerem a queda da milícia islâmica.Entre os alvos dos ataques de sábado, estão o vilarejo de Estargeth, usado como quartel pelo Taleban, e tanques da milícia islâmica, disseram oficiais da Aliança do Norte. Entretanto, combatentes da oposição disseram que pelo menos um dos tanques escapou do bombardeio.A Aliança do Norte disse ter dominado o distrito de Agorpruk, que fica a 30 quilômetros de Mazar-e-Sharif, outra importante cidade controlada pelo Taleban. Segundo fontes da oposição, aviões dos EUA também bombardearam a região. A afirmação, porém, não pôde ser confirmada por fontes independentes.Nos dois campos de batalha, os líderes da Aliança do Norte celebraram os ataques. "Estamos contentes. É muito eficiente", disse Bismillah Khan, um comandante de forças anti-Taleban na região de Cabul.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.