Rodrigo Cavalheiro/Estadão
Rodrigo Cavalheiro/Estadão

EUA autorizam construção de primeira fábrica em Cuba em 50 anos

Objetivo é fabricar ao menos mil pequenos tratores por ano na ilha caribenha para vender aos fazendeiros particulares locais; ela planeja começar a atuar em Cuba até o início de 2017

O Estado de S. Paulo

15 de fevereiro de 2016 | 18h19

WASHINGTON - Os Estados Unidos aprovaram, pela primeira vez em 50 anos, a construção de uma fábrica americana em Cuba. A permissão foi concedida pela administração Obama à empresa Cleber LLC, formada por dois ex-engenheiros de software do Estado do Alabama. 

O objetivo é fabricar ao menos mil pequenos tratores por ano na ilha caribenha para vender aos fazendeiros particulares locais. Ela planeja começar a atuar em Cuba até o início de 2017. 

O Departamento do Tesouro notificou Horace Clemmons e Saul Berenthal na semana passada de que poderiam atuar na Zona Econômica Especial no Porto de Mariel, construída com a ajuda do governo brasileiro, destinada a atrair investimentos estrangeiros. 

Autoridades de Cuba já haviam autorizado o projeto em novembro do ano passado e só faltava a aprovação de Washington. 

Após mais de 50 anos, os EUA e Cuba anunciaram a retomada bilateral em dezembro de 2014. Desde então, os governos vem estudando uma série de medidas para ampliar as relações entre os países, especialmente as econômicas. / ANSA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.