EUA avaliam entrega de armas químicas pela Síria

Autoridades americanas disseram que vão "analisar cuidadosamente" a proposta de a Síria entregar suas armas químicas para o controle internacional para evitar um ataque militar.

AE, Agência Estado

09 Setembro 2013 | 15h20

A porta-voz do Departamento de Estado, Marie Harf, afirmou nesta segunda-feira que os EUA poderiam considerar a proposta que está sendo anunciada pelos ministros de Relações Exteriores da Rússia e Síria com "ceticismo" porque ela pode ser uma tática. Harf lembrou que a Síria se recusou terminantemente a destruir suas armas químicas no passado.

A proposta surgiu após o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, ter dito em Londres que o presidente da Síria, Bashar Assad deveria colocar fim à crise entregando todas as suas armas químicas. Harf disse que Kerry não fez uma proposta formal pública.

Mais conteúdo sobre:
EUASíriaarmas químicas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.