EUA: Cantor deixa liderança republicana em 31 de julho

O líder da maioria republicana na Câmara dos EUA, Eric Cantor, anunciou há pouco que deixará a liderança em 31 de julho. Sua saída foi antecipada pela derrota nas primárias do partido para David Brat - favorito do Tea Party - na disputa pela vaga de candidato a um novo mandato pelo Estado americano de Virginia.

STEFÂNIA AKEL, Agência Estado

11 de junho de 2014 | 18h05

Cantor, considerado um republicano mais flexível, principalmente no que diz respeito à reforma da imigração nos EUA, recusou-se a analisar politicamente o que sua derrota significa para o Partido Republicano, mas afirmou que suas visões sobre a imigração não mudaram.

O parlamentar também anunciou seu apoio a Kevin McCarthy para a liderança do partido na Câmara.

Mais conteúdo sobre:
EUAPartido RepublicanoCantor

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.