EUA confirmam Tefft como embaixador para a Rússia

O Senado dos EUA confirmou John Tefft como novo embaixador para a Rússia, preenchendo uma posição que estava aberta há meses. Em votação por voz, o Senado confirmou a nomeação do presidente Barack Obama, embora antes disso o senador republicano Mike Enzi havia conseguido bloquear a votação.

AE, Estadão Conteúdo

01 de agosto de 2014 | 03h27

Tefft é um veterano do corpo diplomático dos EUA e já atuou como embaixador na Ucrânia, Geórgia e Lituânia. O Comitê de Relações Exteriores do Senado havia aprovado a nomeação anteriormente nesta semana.

O novo embaixador chegará a Moscou em um momento no qual as relações entre EUA e Rússia se tornam mais tensas. O papel da Rússia na Ucrânia tem sido motivo de insatisfação entre os norte-americanos, sendo que nesta semana EUA e União Europeia adotaram uma nova rodada de sanções. A intenção é pressionar o presidente Vladimir Putin a procurar uma resposta diplomática às hostilidades na Ucrânia.

"Nossa relação com a Rússia hoje está em séria dificuldade, e o futuro é incerto", disse Tefft ao comitê do Senado. O último embaixador para a Rússia, Michael McFaul, deixou o posto em fevereiro. Fonte: Associated Press e Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Euaembaixadorrússia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.