EUA continuam com ataques contra o Estado Islâmico

EUA continuam com ataques contra o Estado Islâmico

Dois ataques dos EUA próximos à cidade de Deir ez-Zor, no leste da Síria, destruíram um veículo blindado e um veículo armado usado por militantes do Estado Islâmico

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2014 | 16h54

Os EUA continuaram as operações militares contra o grupo extremista Estado Islâmico na segunda-feira e na terça-feira, conduzindo 11 ataques na Síria sem a assistência de parceiros do Oriente Médio e 11 no Iraque, informaram autoridades.

Dois ataques dos EUA próximos à cidade de Deir ez-Zor, no leste da Síria, destruíram um veículo blindado e um veículo armado usado por militantes do Estado Islâmico. Cinco ataques no nordeste da Síria destruíram um posto de artilharia dos extremistas, três veículos armados, dois postos de atividades e um posto de observação, além de atingirem quatro posições militares.

Os EUA também seguem com os ataques próximos à fronteira da Síria com a Turquia. Foram realizados três perto da cidade de Mazra Al Duwud, no lado sírio da fronteira a nordeste de Alepo. Esses ataques destruíram um posto de artilharia e dois atiradores de foguetes, de acordo com autoridades. Em outra ataque no nordeste de Alepo, os EUA destruíram prédios do Estado Islâmico.

No Iraque, os EUA conduziram sete atraque no nordeste do país, sendo dois perto da cidade de Mosul Dam, um no nordeste de Bagdá e outro em Falluja. Os ataques destruíram veículos blindados do Estado Islâmico, veículos armados, um ponto de encontro e um local de posição de combate.

Nenhum dos cinco países aliados do Oriente Médio participaram dos ataques liderados pelos EUA na Síria desde a última semana. Autoridades americanas afirmaram que forças distintas vão se juntar às missões em tempos distintos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
EUAEstado Islâmico

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.