EUA continuarão ataques no Afeganistão

O assessor de Segurança Nacional da Casa Branca, James Jones, afirmou ontem que os EUA não suspenderão os ataques aéreos contra extremistas no Afeganistão. A decisão foi tomada apesar dos alertas do presidente afegão, Hamid Karzai, de que, com os ataques, os EUA se arriscam a perder a "batalha moral" contra o Taleban caso civis morram na ofensiva.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.