EUA defendem garantias sobre bases na Colômbia

O subsecretário de Estado norte-americano para o Hemisfério Ocidental, Arturo Valenzuela, afirmou hoje à imprensa brasileira que o governo dos Estados Unidos enviou a todos os chanceleres e ministros de Defesa da América do Sul uma carta na qual garantia que o acordo militar entre EUA e Colômbia não inclui invasão de territórios vizinhos.

DENISE CHRISPIM MARIN, Agencia Estado

14 de dezembro de 2009 | 15h44

Assinada pelos secretários Robert Gates, da Defesa, e Hillary Clinton, de Estado, a carta foi enviada também para o presidente do Equador, Rafael Correa, que preside temporariamente a União de Nações Sul-Americanas (Unasul). Valenzuela, entretanto, não soube dizer quando a carta foi entregue.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.