EUA dizem que Argentina devolveu material militar

A Argentina devolveu o material militar que havia sido apreendido por autoridades aduaneiras em Buenos Aires no início de fevereiro, num episódio que desencadeou um impasse diplomático entre os dois países. A embaixada norte-americana na capital argentina declarou, por meio de um comunicado, hoje, que "o material mencionado foi devolvido".

AE, Agência Estado

13 de junho de 2011 | 20h53

As autoridades argentinas confiscaram armas, munições, remédios e equipamentos de espionagem que entraram no país em 10 de fevereiro a bordo de um avião da força aérea norte-americana e aparentemente não haviam sido devidamente declarados. O material estava destinado a um curso de treinamento policial acordado pelos dois países.

O governo argentino protestou contra o fato e pediu explicações dos Estados Unidos, que se mostraram desconcertados pela forma com que Buenos Aires lidou com o assunto e afirmaram que não tiveram a intenção de violar as leis argentinas. Até o momento, o governo argentino não se pronunciou sobre a questão. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
armasmuniçõesapreensãoArgentinaEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.