EUA e Coreia do Sul farão manobras no domingo

Os presidentes dos EUA, Barack Obama, e da Coreia do Sul, Lee Myung-bak, concordaram em realizar exercícios militares conjuntos no próximo domingo, na região do mar Amarelo, após os ataques de ontem da Coreia do Norte à ilha sul-coreana de Yeonpyeong. Pouco antes, Obama afirmou que a comunidade internacional deve reconhecer que a Coreia do Norte representa "ameaça séria e contínua da qual todos devem se ocupar".

Agência Estado

24 de novembro de 2010 | 03h27

Apesar das manobras agendadas com Seul, Obama sinalizou que não deverá haver ação militar efetiva dos EUA por causa do bombardeio. Hoje, o premiê japonês, Naoto Kan, convidou a China a unir seus esforços para conter a Coreia do Norte. As forças da ONU em Seul encaminharam pedido de diálogo a Pyongyang a fim de reduzir as tensões na região. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.