EUA e França tentam chegar em acordo sobre a resolução do conflito

Os Estados Unidos e a França tentaram, nesta quinta-feira, diminuir suas divergências quanto ao prazo para a retirada das tropas israelenses do Líbano. Os dois países tentam chegar em acordo sobre uma resolução da ONU que deve encerrar com o conflito de um mês entre Israel e Hezbollah. Como a pressão internacional vem aumentando para que o Conselho de Segurança tome providências no sentido de encerrar com o conflito, embaixadores americanos e franceses se encontraram com russos, chineses e ingleses para discutir a última proposta. Os embaixadores dizem que ainda há divergências e assuntos delicados a serem resolvidos, mas o embaixador americano John Bolton e seu colega chinês consideram a possibilidade de os problemas serem resolvidos nesta quinta-feira. Se isso acontecer, a votação da resolução acontece na sexta-feira. Até lá, os americanos e franceses querem ter certeza de que a resolução seja aceitável para israelenses e libaneses, que rejeitaram a proposta original que circula desde sábado passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.