EUA e Grã-Bretanha lançam mais bombardeios no Iraque

Aviões americanos e ingleses atacaram o que fontes do Pentágono descreveram como ?duas estruturas móveis de mísseis iraquianos? na zona de exclusão aérea, 400 km ao sul de Bagdá. Segundo fontes do Pentágono, foi o quinto ataque da aliança anglo-americana desta semana, em que pela primeira vez foram bombardeadas "estruturas de mísseis terra-terra", como as definem tais fontes. Um ataque similar foi lançado na quinta-feira contra instalações civis, segundo a versão dada a respeito por Bagdá. É habitual que fontes americanas e britânicas falem de ataques a instalações militares e que o Iraque afirme, ao contrário, que os objetivos são civis. As zonas de restrição a aviões iraquianos são patrulhadas pelos EUA e Grã-Bretanha sem o aval da ONU.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.