EUA e Israel discutem panorama no Oriente Médio

O Fórum para o Diálogo Estratégico entre os Estados Unidos e Israel deliberará neste domingo pela primeira vez nos últimos seis anos, na cidade de Tel Aviv, sede do Ministério da Defesa.Nesta ocasião, o Fórum debaterá assuntos estratégicos relacionados com a crise no Iraque, o programa nuclear do Irã, e a luta contra o terrorismo, e como impedir que organizações extremistas consigam dinheiro para suas operações, entre outros.Os chefes de equipe são o subsecretário de Estado Nicholas Burns, por parte dos EUA, e o general reformado Shaul Mofaz, ex-comandante das Forças Armadas e atual ministro dos Transportes, por Israel.Das equipes de trabalho participam representantes de diversos organismos do Governo americano e do local. A rádio pública israelense precisou que durante as deliberações não se tratará o conflito de Israel com os palestinos."A importância do diálogo estratégico radica em que, além da expressão formal da associação entre Estados Unidos e Israel, trata a possibilidade de trocar idéias no mais alto nível, assim como necessidades, e especialmente conservar a superioridade (militar) frente a todos seus adversários na região", declarou o ex-embaixador em Washington Ami Ayalon.Os EUA também realizam "diálogos estratégicos" com países da União Européia (UE), e ultimamente com Índia, Arábia saudita, e num futuro próximo provavelmente com o Egito, assinalou a emissora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.