EUA enviam armas para forças curdas no Iraque

O governo americano começou a fornecer armamentos diretamente para as forças curdas do Iraque que combatem os militantes islâmicos no norte e no oeste do país, segundo informações de um oficial norte-americano nesta segunda-feira.

Estadão Conteúdo

11 de agosto de 2014 | 10h30

Anteriormente, os EUA admitiam apenas o envio de armas para o governo de Bagdá, mas as forças curdas Peshmerga têm perdido terreno nas últimas semanas para os militantes do Estado Islâmico (antigo Estado Islâmico no Levante e no Iraque).

As fontes dos Estados Unidos não informaram que instituição é responsável pela distribuição de armas, mas negaram que seja o Pentágono. A agência de inteligência CIA já realizou operações similares. O oficial falou em condição de anonimato.

A assistência norte-americana ocorre após ataques aéreos realizados pelo exército dos EUA no norte e oeste do país e a libertação de duas cidades iraquianos pelas forças curdas. O secretário de Defesa dos EUA, Chuck Hagel, disse a repórteres em conferência com o ministro da Defesa da Austrália que "os ataques têm sido muito efetivos" e que as forças americanas continuarão a dar "todo o suporte possível" ao Iraque. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAIraqueviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.