Jim Lo Scalzo/AP
Jim Lo Scalzo/AP

EUA prorrogam programa de asilo temporário para sírios

Medida evita que 7 mil deles sejam deportados; benefício foi renovado até 30 de setembro de 2019

O Estado de S.Paulo

01 Fevereiro 2018 | 02h10

WASHINGTON - O governo americano prorrogou o Status de Proteção Temporária para os sírios, que evita que 7 mil deles sejam deportados, informou o Departamento de Segurança Interna dos EUA.

+ 1 ano da presidência Trump: milhares de migrantes estão no limbo legal

O governo do presidente Donald Trump havia retirado esta proteção de milhares de imigrantes de países da América Central, o que provocou o temor de que os sírios correriam o mesmo risco.

+ Trump acusa democratas de impedirem conclusão de acordo migratório

"Depois de considerar cuidadosamente as condições, decidi que é necessário ampliar o Status de Proteção Temporária para a Síria", afirmou a secretária de Segurança Interna, Kirstjen Nielsen, em um comunicado.

O benefício para os sírios foi renovado até 30 de setembro de 2019. Kirstjen revisará a situação na Síria antes da data para decidir sobre uma eventual prorrogação.

O governo americano retirou esse status de 200 mil salvadorenhos, 59 mil haitianos e 5,3 mil nicaraguenses, incluindo algumas pessoas que moravam há décadas nos EUA. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.