EUA executam mais dois condenados

Os Estados norte-americanos de Oklahoma e Virgínia executaram hoje, por injeção letal, dois homens condenados por assassinatos. Robert William Clayton, de 40 anos, foi executado na penitenciária do Estado de Oklahoma, em MacAlester. Condenado pelo assassinato de uma mulher, em 1985, ele é a nona pessoa a ser executada no Estado este ano. Na Virgínia, Thomas Akers, de 31 anos, foi executado no Departamento de Virgínia. Ele foi condenado em 1998 por ter assassinado um homem com um taco de beisebol.Akers foi a 38ª pessoa executada no Estado de Virgínia, desde que a pena de morte foi instaurada pelo governo federal, em 1976. Clayton foi o 82º executado em Oklahoma, no mesmo período.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.