EUA exigem mudança de regime no Iraque

O secretário de Estados dos EUA, Colin Powell, acredita que os Estados Unidos devem agir sozinhos para conseguir uma "mudança de regime" no Iraque. Powell disse nesta quinta-feira a congressistas que o presidente George W. Bush está considerando "as mais sérias opções que qualquer um possa imaginar" para lidar com o líder iraquiano Saddam Hussein."A mudança de regime é algo que os Estados Unidos devem operar sozinhos", disse Powell. "Como fazê-lo? Não entrarei em detalhes sobre nossas opções." Mas ele adiantou que Bush está "analisando uma série de alternativas". Nesta quinta-feira, o secretário de imprensa da Casa Branca, Ari Fleischer, disse que Bush não definiu linha de ação. Uma recém-anunciada visita do vice-presidente Dick Cheney a países como Arábia Saudita, Jordânia, Turquia e Kuwait - todos fazem fronteira com o Iraque - levantou a suspeita de que Cheney aproveitaria a viagem para angariar apoio para transformar o Iraque no próximo alvo da guerra de Bush contra o terrorismo. "Não, eu não os aconselho a chegar a esta conclusão", disse Fleischer.O vice-presidente "está indo representar o presidente em uma basta gama de assuntos, mas o presidente não tomou nenhuma decisão sobre o Iraque", garantiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.