EUA expulsam três diplomatas venezuelanos

Os Estado Unidos expulsaram três diplomatas venezuelanos em resposta à medida semelhantes tomada por Washington na semana passada, informou uma fonte do governo norte-americano, em condição de anonimato.

Agência Estado

25 Fevereiro 2014 | 14h41

A fonte disse à Associated Press que os três venezuelanos têm 48 horas para deixar o território dos Estados Unidos. A AP pediu à embaixada venezuelana as identidades dos funcionários expulsos, mas não havia obtido resposta.

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, expulsou na semana passada três diplomatas norte-americanos que teriam, segundo ele, auxiliado na realização da manifestações estudantis que têm sacudido o país nas últimas três semanas e deixaram pelo menos 15 mortos e centenas de feridos.

O governo do presidente Barack Obama classificou as acusações como "falsas".

Washington decidiu a expulsão nesta terça-feira, mesmo dia em que Maduro informou ter encarregado seu ministro de Relações Exteriores, Elías Jaua, do anúncio do novo embaixador venezuelano nos Estados Unidos.

"Eu já decidi quem será o embaixador", disse Maduro ao expressar sua intenção de "fortalecer" a embaixada em Washington para que no país se conheçam "a verdade do que está acontecendo na Venezuela".

Desde 2010 a Venezuela não tem embaixador nos Estados Unidos e Washington não tem embaixador em Caracas, embora as embaixadas tenham sido mantidas. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.