Carolyn Kaster|AP
Carolyn Kaster|AP

EUA facilitarão mais viagens e transações bancárias com Cuba

Medidas serão anunciadas no dia 17, às vésperas da histórica visita do presidente Barack Obama à ilha, segundo parlamentares

O Estado de S. Paulo

08 de março de 2016 | 17h09

WASHINGTON - O governo do presidente americano, Barack Obama, irá anunciar em 17 de março novas medidas de alívio a restrições comerciais e de viagens em Cuba, antes da histórica viagem neste mês do líder à ilha de regime comunista, disseram fontes do Congresso dos Estados Unidos nesta terça-feira, 8.

Detalhes ainda estavam sendo trabalhados, mas as medidas provavelmente irão incluir mudanças para facilitar que americanos visitem Cuba caso se classifiquem sob 12 categorias autorizadas de viagem, como visitas culturais ou educacionais, assim como o alívio de regras comerciais e bancárias, disseram as fontes, que foram informadas sobre a questão por autoridades do governo.

A Casa Branca informou em 18 de fevereiro que Obama irá visitar Havana em 21 e 22 de março, em outro passo em direção ao fim de décadas de rivalidade entre as nações. Será a primeira visita de um presidente americano em exercício a Cuba desde 1928.

A Casa Branca convidou membros do Congresso para acompanhar o presidente, e assessores parlamentares disseram  que cerca de 20, a maioria de democratas, devem viajar com Obama. / REUTERS

Notícias relacionadas
    Tudo o que sabemos sobre:
    EUACubaBarack Obama

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.