EUA fecham base militar em Porto Rico

Navios da Marinha americana estão desaparecendo de Porto Rico, encerrando uma era na qual os gastos militares dos EUA impulsionavam a economia porto-riquenha e o território era visto como um recurso estratégico pelo governo americano.As Forças Armadas dos EUA usaram a base de Roosevelt Roads por seis décadas para manter a vigilância no Caribe e, quando o posto avançado fechar, com milhares de soldados e funcionários civis partindo em 31 de março, Porto Rico perderá um dínamo econômico, que gerava mais de 6.000 empregos e trazia cerca de US$ 300 milhões ao ano para a ilha.Líderes locais estudam transformar a base em um aeroporto civil e abrir o porto para barcos de passeio e turistas. Alguns moradores saúdam o fim da base, vista como uma relíquia colonialista, mas outros temem pelo futuro da ilha, agora que seu valor militar para os EUA é menor.Com o fim de Roosevelt Roads, a base de Guantánamo, em Cuba, será o único posto militar americano restante no Caribe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.