EUA fecham consulado em Ciudad Juárez

O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Philip Crowley, disse ontem que o país fechou seu consulado em Ciudad Juárez, no norte do México, por tempo indeterminado depois de ter recebido informações sobre "uma ameaça" na área onde fica localizado, sem especificar se a denúncia era diretamente ligada à sede consular. O anúncio ocorre duas semanas depois da explosão de um carro-bomba no centro de Ciudad Juárez, na fronteira com a cidade americana de El Paso, no Texas, e considerada a mais violenta do México. No ano passado, pelo menos 2.660 pessoas morreram na cidade vítimas do narcotráfico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.